18 de mar de 2014

Guerra! Vale a pena?


Quem tem visto os noticiários está sabendo que mais uma guerra está prestes a começar na Criméia pelos homens por poder, por terra, pela ganância. Uma guerra que tem precedentes  em 1853 e se estende há 2014.

Guerra essa alimentada pelo sentimento de superioridade que nós homens temos dos outros, aquele sentimento que nos faz sentir melhores, mais bonitos, mais inteligentes que nossos próprios irmãos

Agora eu queria saber depois que morrermos o que vamos levar? Vale a pena matar milhares de pessoas, trazer tristeza para uma nação? Pobres mortais que somos, burros e gananciosos, sem sentimentos e hipócritas.

Não apenas essa guerra que está prestes a explodir acabam com nosso mundo, mas também a guerra que travamos todos os dias, contra a corrupção, contra o tráfico de drogas, contra a manipulação que nosso governo exerce sobre nós, em busca sempre do dinheiro.

Esses dias vi uma frase que dizia assim em um restaurante de beira de pista “Quando a última árvore cair, quando o último rio secar, quando o último peixe morrer, iremos perceber que o dinheiro não se pode comer.”


Termino esse texto pedindo para que possam refletir sobre essa frase e ver se realmente o que estamos fazendo no nosso dia-a-dia está coerente com a paz nos nossos corações.

Autor: José Agenor Sapata

Um comentário:

  1. Guerra é um tempo perdido. Infelizmente, nós homens, não nos damos conta disso.
    Vamos refletir!
    Ah, o livro chegou. Em breve, farei um post sobre a nossa parceria, além de apresentar o livro aos leitores. Criarei uma aba para divulgar os parceiros. Gostei bastante do autógrafo. Obrigado!

    Tem um concurso cultural valendo marcadores de páginas no blog:

    http://ymaia.blogspot.com/2014/03/concurso-cultural-homenageando-ayrton.html

    ResponderExcluir